OS DEMÓNIOS DO MEU AVÔ

LONGA - METRAGEM | Em Produção

Poster_Horizontal_PT_BigTitle_1016x677_V02.png

DURAÇÃO | 90'


IDIOMA | Língua Portuguesa


TÉCNICA | Animação 2D e stop motion

 

ARGUMENTO | Possidónio Cachapa, Cristina Pinheiro

 

REALIZAÇÃO | Nuno Beato

CRIAÇÃO GRÁFICA | Nuno Beato

 

MÚSICA | Gaiteiros de Lisboa

PRODUÇÃO | Sardinha em Lata, Caretos film, Midralgar, Basque Films

FINANCIAMENTO | ICA, DAS, FABLAB, Xunta Galicia, ICAA, MC, Televisión de Galicia, Ibermedia, CNC, AGADIC, Region Sud, Nouvelle-Aquitaine, DAS, HP, Hotel Roma, Diversey, Seaworld

SINOPSE 

 

Rosa, uma profissional de topo, altamente cotada no mercado empresarial, leva uma vida exigente e inteiramente dedicada ao seu trabalho. A morte do avô, de quem se tinha progressivamente afastado, devido ao trabalho inesgotável, acaba por lhe provocar um súbito ataque de stress que coloca em dúvida as suas escolhas. Rosa decide, então, abandonar a cidade e partir ao encontro do lugar e das memórias da sua infância, vivida ao lado do seu avô. Ao chegar à propriedade isolada, no meio da paisagem transmontana, descobre que o avô lhe deixou um conjunto de terras praticamente abandonadas e a casa da sua infância quase em ruínas. Levada pelo remorso e pela necessidade de encontrar novo rumo para si, tenta reconstruir a casa e os campos. Rosa, contudo, não está sozinha. Além das pessoas com quem estabelecerá novos laços, surge um grupo de demónios de barro modelados pelo seu avô que parecem, por vezes, ganhar vida, aconselhando-a e orientando-a e consolando-a, como ele próprio teria feito.